Bimco

Via de acesso ao Porto de Paranaguá terá projeto executivo

O governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou nesta quarta-feira (3) a contratação do projeto executivo de engenharia para restauração e ampliação de capacidade da Avenida Ayrton Senna da Silva, um dos principais acessos ao Porto de Paranaguá, no Litoral. A revitalização da via é fundamental para aumentar a capacidade de escoamento das exportações do estado.

A licitação acontecerá nos próximos dias e o projeto deve estar concluído em oito meses. “A revitalização do trecho é fundamental para a logística estadual, uma vez que a Avenida Ayrton Senna representa um funil de toda a produção estadual”, afirmou o governador.

O projeto executivo vai prever a modernização viária, aumento das capacidades de tráfego e acessibilidade, além de ciclovia e iluminação de oito quilômetros de extensão no trecho entre o entroncamento com a BR-277 e o Porto de Paranaguá. O custo máximo para elaboração é de R$ 3,3 milhões.

Publicidade
Catálogo da Indústria Marítima

 

Segundo o diretor-presidente dos Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, o projeto executivo deve conter oito subgrupos que futuramente podem ser executados em diferentes estágios. Ele também destacou a importância da Avenida Ayrton Senna para o desenvolvimento das operações do Porto de Paranaguá e da comunidade local.

Juarez Moraes e Silva, presidente do Terminal de Contêineres do Paraná (TCP), disse que a liberação desses recursos atende também a uma reivindicação dos empresários que trabalham no desenvolvimento econômico do Estado. “O projeto pensa Paranaguá como um corredor portuário que não conflita com a cidade, para que ambos funcionem de maneira independente. A união do público e do privado vai fazer do Porto de Paranaguá referência em todo País”, completou.

A administração dos Portos do Paraná realiza em paralelo uma série de obras para o desenvolvimento regional. A mais adiantada é a construção do novo viaduto na entrada de Paranaguá, onde a BR-277 se divide entre as avenidas Ayrton Senna e Bento Rocha. O projeto e a execução são coordenados pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem). O investimento dos Portos é de R$ 12,7 milhões e a entrega da obra será em junho.

O novo viaduto terá aproximadamente 900 metros de extensão, 6 metros de altura e mais de 7 metros de largura. Com a finalização, será permitida a circulação de caminhões com altura de até 5,5 metros de altura sob o viaduto.

A outra obra é a recuperação d?a Avenida Bento Rocha?, importante via de acesso ao Porto de Paranaguá, que deve ser concluída em dezembro. Os investimentos somam R$ 15,9 milhões e incluem pavimentação de concreto, nova sinalização vertical e horizontal e nova ciclovia em 2,9 quilômetros de extensão.

Comentários

 

 

Reportagens da edição 702

Presença a bordo

08 Jul 2019 18:07 Navegação

Empresas pedem manutenção das vagas na formação para não faltar marítimos. Sindicato cobra equilíbrio entre oferta e demanda • O mercado de navegação no Brasil apresenta oferta de marítimos superior à...

Legal Seminar

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

Considerado o mais importante mercado “offshore” fora do Mar do Norte, o Brasil também atraiu a atenção de armadores noruegueses em evento paralelo • A primeira apresentação deu uma visão das...

Mercado de gás

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

As oportunidades no setor de gás no Brasil também foram debatidas no evento.  A superintendente de Oléo e Gás do estado do Rio de Janeiro, Cristina Pinho, deu um quadro...

Brasil na Nor-Shipping

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

Pela terceira vez o Brasil promove um seminário durante o evento • Se neste ano o clima do evento em geral já era mais leve que nas edições anteriores, no caso...

ABB

Assine Portos e Navios

Syndarma

OTC Brasil

Tche Digital

Assine Portos e Navios

Aapa

Abeam

Sobena

Sinaval Abratec