Marintec Navalshore

Vagões - Brado adquire 145 unidades

A Brado Logística, criada pelas parceiras América Latina Logística (ALL) e Standard Logística, adquiriu 145 vagões Spine Car de 80’ da AmstedMaxion, modelo desenvolvido especialmente para a companhia. O lançamento do novo vagão aconteceu na fábrica da AmstedMaxion em 23 de agosto, em Hortolândia/SP, onde foi apresentado ao mercado uma solução logística pioneira para o transporte de contêineres no Brasil por meio da ferrovia.

O novo modelo de vagão da Brado possui 26 metros de comprimento e capacidade para 130 toneladas, transportando o dobro do volume de cargas por via férrea, com estrutura para operações em dois contêineres de 40 pés, quatro contêineres de 20 pés ou três contêineres de 20 pés, em apenas um nível.

“Buscamos neste projeto, que envolveu as equipes técnicas da AmstedMaxion, ALL e Brado, conciliar duas questões importantíssimas para o desenvolvimento do intermodal no Brasil. Primeiro, aumentar a capacidade de atendimento ao nosso volume crescente com mais competitividade e produtividade ao capital empregado, no corredor da larga Mato Grosso-Santos que atende aos terminais de Alto Taquari, Campinas, Santos e ainda esse ano Araraquara/Américo Brasiliense e no ano que vem Rondonópolis. Segundo, garantir o transit-time com integridade da carga e do contêiner em todo o trajeto, colaborando com o nível de serviço do nosso cliente”, destaca o presidente da Brado Logística, José Luis Demeterco.

Publicidade
Catálogo da Indústria Marítima

 

Atualmente, a Brado possui 1.445 vagões. Em cinco anos, a companhia irá investir R$ 1 bilhão. Deste montante 80% serão destinados a ativos rodantes. Com isso, a Brado, que hoje opera cerca de 80 mil contêineres cheios e vazios, espera chegar em 2016 com a movimentação de 500 mil contêineres, representando 11% do market share na malha ferroviária.

Comentários

Marintec Navalshore

Assine Portos e Navios

Consórcio Águas Azuis

Syndarma

Envie uma pauta

Conapra

FGV Transportes

Aapa

Tche Digital

Sobena

Sinaval Abratec