Santos Brasil conclui obras no Tecon Vila do Conde e implanta gates automatizados

A Santos Brasil concluiu as últimas obras civis do projeto de modernização do Tecon Vila do Conde, terminal de contêineres localizado em Barcarena (PA). No total, foram 25 meses de obras que contemplaram a pavimentação em concreto de 36 mil metros quadrados de pátio para armazenamento de contêineres e a construção de dois novos gates e de espaços destinados a vestiários e refeitórios para os colaboradores.

Outra novidade é a automatização dos gates nas entradas do terminal, agilizando o fluxo de caminhões e aumentando a segurança da informação e da carga. Desenvolvidos com base nas mais modernas estruturas de IoT (Internet of Things), os gates automatizados permitem a autenticação biométrica, o controle e gerenciamento de motoristas.

Atualmente, o Tecon Vila do Conde conta com quatro gates de entrada e dois de saída, piso de concreto em todo o seu pátio de armazenamento, que permite maior velocidade para a operação e maior capacidade de armazenamento. Dispõe de nove reachstakers, dos quais três acabaram de chegar ao terminal, substituindo equipamentos já existentes, para movimentação de contêineres no pátio, e três guindastes MHC sobre rodas que operam no cais para embarque e desembarque de mercadorias conteinerizadas ou cargas de projeto.

Entre 2018 e 2019, a Santos Brasil realizou investimentos da ordem de R$ 60 milhões na unidade, em obras civis e equipamentos de pátio e cais. Estes investimentos proporcionaram um aumento substancial na produtividade do terminal..



Em 2019, o Tecon Vila do Conde movimentou mais de 104 mil contêineres. Em 2020, a demanda pela movimentação de cargas de projetos tem se destacado. Mesmo em meio à crise gerada pela pandemia do Covid-19, o terminal operou neste ano, até agora, 18 navios com este tipo de carga contra 15 em todo o ano passado.

O terminal celebra ainda uma outra marca importante: um ano sem acidentes de trabalho.


Marintec Navalshore