Resolver Portus é prioridade', diz presidente da Codesp

Resolver os problemas do Instituto de Seguridade Social Portus, o fundo de pensão dos trabalhadores portuários, é um dos principais desafios, se não o maior, dos gestores da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp). A futura abertura de capital da empresa na bolsa e seu saneamento dependem de uma solução para a questão.

Nesta terça-feira (11), durante a divulgação do balanço dos 100 primeiros dias de gestão da nova diretoria da Docas, capitaneada pelo presidente, Casemiro Tércio Carvalho, foi informado que o rombo financeiro do Portus gira em torno de R$ 3 bilhões, sendo que 50% desse montante corresponde a dívidas da companhia com o fundo – em Santos, são 4 mil famílias beneficiárias e 385 aposentados na ativa.

Enquanto Tércio apontava o plano desenvolvido pela Codesp para evitar a liquidação do Portus, o presidente do Sindicato dos Empregados na Administração Portuária (Sindaport), Everandy Cirino dos Santos, estava em Brasília com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Publicidade
Catálogo da Indústria Marítima

 

Da reunião, segundo Cirino, boas notícias. O Governo deve liberar até o final do mês um novo aporte financeiro para ao fundo de pensão. O encontro ocorreu a pedido da deputada federal Rosana Valle(PSB-SP).

Além do valor, o ministro deu um prazo de 10 dias para que os trabalhadores apresentem uma nova proposta para salvar o Portus.

“Temos uma proposta, que foi elaborada por uma consultoria e aprovada em assembleia. Vamos fazer algumas alterações e a apresentaremos ao Governo. Queremos que a situação financeira do Portus seja resolvida o mais breve possível”, disse Cirino.

Fonte: A Tribuna

 

Comentários

 

 

Reportagens da edição 702

Presença a bordo

08 Jul 2019 18:07 Navegação

Empresas pedem manutenção das vagas na formação para não faltar marítimos. Sindicato cobra equilíbrio entre oferta e demanda • O mercado de navegação no Brasil apresenta oferta de marítimos superior à...

Legal Seminar

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

Considerado o mais importante mercado “offshore” fora do Mar do Norte, o Brasil também atraiu a atenção de armadores noruegueses em evento paralelo • A primeira apresentação deu uma visão das...

Mercado de gás

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

As oportunidades no setor de gás no Brasil também foram debatidas no evento.  A superintendente de Oléo e Gás do estado do Rio de Janeiro, Cristina Pinho, deu um quadro...

Brasil na Nor-Shipping

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

Pela terceira vez o Brasil promove um seminário durante o evento • Se neste ano o clima do evento em geral já era mais leve que nas edições anteriores, no caso...

Leia mais reportagens da edição impressa