Marintec Navalshore

OGMO encerra atividades em posto de escalação do Porto de Santos

O Órgão Gestor de Mão de Obra do Trabalho Portuário do Porto Organizado de Santos (OGMO-Santos) encerrou as atividades do Posto de Escalação 1 (P1), localizado no bairro do Saboó, em Santos, no litoral de São Paulo, nesta terça-feira (3). De acordo com o órgão, a decisão foi aprovada em assembléia.

O OGMO explica que a medida foi tomada após queda histórica na frequência dos trabalhadores portuários avulsos no postos de escalação. O órgão aponta que, enquanto 558 trabalhadores frequentaram o Posto de Escalação 3 (P3), localizado na Avenida Mário Covas, em outubro de 2018, 515 operários compareceram presencialmente nos dois postos em outubro de 2019.

Outro critério para encerramento das atividades do posto de escalação, de acordo com o OGMO, é que apenas três dos oito sindicatos registrados junto ao órgão utilizavam o P1, representando um contingente de 50 trabalhadores. A empresa ressalta, também, o aumento de operários que optam pela escala digital.

O gestor da mão de obra portuária aponta que as escalações serão mantidas no Posto de Escalação 3, na Ponta da Praia de Santos, e que o transporte dos trabalhadores será mantido nos mesmos moldes e horários dos praticados anteriormente.


Catálogo da Indústria Marítima


Manifestação
A medida foi alvo de protestos de representantes da categoria dos estivadores e dos trabalhadores portuários, que também realizaram manifestações contra a escala digital dos trabalhadores.

Segundo o Sindicato dos Estivadores de Santos, São Vicente, Guarujá e Cubatão (Sindestiva), o fechamento do P1 coloca em risco a segurança, integridade física e higiene dos trabalhadores, que deverão ser buscar ou o atendimento digital ou se concentrarem no P3.

Fonte: G1


Marintec Navalshore