Workshop Tomada de decisão - investimento em portos

Multigrain paga R$ 388,16 milhões à Hidrovias do Brasil por distrato

A Hidrovias do Brasil, empresa do Pátria Investimentos, comunicou ao mercado o recebimento de R$ 388,16 milhões devido ao distrato aos contratos de prestação de serviços de transbordo de cargas, transporte fluvial e de operação portuária com a Multigrain. A empresa, vinculada ao grupo japonês Mitsui, encerrará as operações no Brasil este ano.

A Hidrovias fechou em 2015 um contrato com a Multigrain de dez anos para o escoamento de soja e milho, prevendo movimentar 1,6 milhão de toneladas por safra. Em nota, informou que o valor consolidado refere-se à  recomposição dos investimentos realizados para construção das instalações portuárias e aquisição dos ativos de navegação para viabilizar o novo corredor logístico denominado “Arco Norte”.

Em novembro passado, na ocasião da apresentação dos resultados globais do terceiro trimestre, a matriz anunciou o provisionamento de 30,4 bilhões de ienes (pouco mais de US$ 288 milhões na cotação da época) para as perdas previstas da filial brasileira no ano fiscal de 2017.

Publicidade
Catálogo da Indústria Marítima

 

Desde 2011 no controle integral da Multigrain, quando adquiriu os 55% restantes de participação de CHS e PMG, a Mitsui não conseguiu reverter os prejuízos anuais consecutivos da subsidiária brasileira. Apesar de registrar uma receita líquida média na ordem de R$ 2,5 bilhões, o prejuízo acumulado da trading no país ao fim de 2016 somava R$ 698 milhões. 

Fonte: Valor

Comentários