Brasmero

Movimentação de trigo sobe de janeiro a maio nos portos gaúchos

A Portos RS divulgou, nesta terça-feira (21), os resultados das movimentações do período de janeiro a maio de 2022. Os dados levam em consideração as operações realizadas nos cais públicos de Rio Grande, Pelotas e Porto Alegre, além dos terminais existentes no complexo portuário de Rio Grande.

Entre os destaques do Porto do Rio Grande nos primeiros cinco meses do ano estão as variações positivas do trigo, com 266.83%, milho, com 88.53%, cloreto de potássio, com 44.26%, e cavaco de madeira, com 40.52%, em relação ao mesmo período do ano passado.

O total das movimentações no porto marítimo do Rio Grande do Sul somaram de janeiro a maio 14.933.212 toneladas. Desse montante, 2.476.034 toneladas foram obtidas com a movimentação de trigo, 518.131 toneladas com o milho, 554.076 com o cloreto de potássio e 631.983 com os cavacos de madeira. Já as movimentações de farelo de soja, soja em grão, arroz, fosfatos, madeira, celulose e demais mercadorias atingiram a marca de 11.271.118 toneladas.

PUBLICIDADE

Portonave


Em relação ao mesmo período do ano de 2020, o Porto do Rio Grande registrou uma pequena queda de 3.79% em sua movimentação total, em que no ano de 2020 foi de 15.552.279 toneladas. Enquanto, em 2022 foi de 14.933.212 toneladas.

O destino das exportações é liderado pela China (20.57%), seguido pela Arábia Saudita (6.37%), Marrocos (5.91%), Indonésia (5.78%), Vietnã (5.60%) e Portugal (4.92%). Já as importações são oriundas da Argentina (13.92%), China (8.41%), Estados Unidos (6.78%), Rússia (6.23%), Marrocos (5.00%) e Peru (4.92%).

Quanto aos contêineres, foram movimentadas 221.993 unidades, sendo 134.338 cheias e outras 87.655 vazias. A maior movimentação aconteceu no mês de março, quando foram 48.942 unidades contabilizadas. O segundo maior mês foi justamente o de maio, com 48.100 contêineres movimentados.

Com relação ao Porto de Pelotas, as movimentações atingiram 528.400 toneladas. O destaque fica por conta da madeira, que movimentou 366.213 toneladas, enquanto que o clínquer, material considerado base para a produção do cimento, alcançou 162.187 toneladas. Na variação entre 2021 e 2022, o mês de fevereiro teve elevação de 29.51% nas movimentações.

Já o Porto de Porto Alegre atingiu no período de janeiro a maio 401.647 toneladas. Os fertilizantes continuam liderando, com 268.825 toneladas, seguido pelas demais cargas, com 51.698 toneladas, cevada, com 39.499 toneladas, sal, com 23.850 tonelaas, e o trigo, om 17.776 toneladas movimentadas.


Pesa

    AAPA     Jan de Nul     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Hidromares

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios