Mais de 100 contêineres com toneladas de frutas se estragam no Pecém

Uma denúncia publicada pelo Jornal do Brasil de ontem (14) revela que mais de 100 contêineres com toneladas de frutas estão se estragando no Porto de Pecém, desde a última sexta-feira, aguardando embarque para os Estados Unidos. Segundo a nota publicada na Coluna JB, o comandante do navio Cap Norte, da alemã Hamburg Süd, informou na quinta que não vai aportar mais em Pecém. Os produtores, entre eles grandes empresas, estão desesperados. Eles acusam a alemã de overbooking em cargas.

A empresa alemá diz que a decisão é única do comandante, que teme por excesso de peso. Ainda segundo a matéria, o naufrágio comercial pode ser desastroso, pois mesmo em contêineres refrigerados, as frutas podem durar poucos dias. E o próximo navio, de outra empresa, que aporta semana que vem rumo ao Norte, já está cheio.

De acordo com a assessoria de imprensa da Ceará Portos, o problema que causou o estrago das frutas foi ocasionado devido a problemas técnicos nos geradores dos contêiners, que já foi solucionado. Algumas mercadorias da empresa alemã já estão sendo direcionadas para os portos de Salvador e Recife.(Fonte: Ceará Agora/ Luciano Augusto)

 

    Terlogs     Mampaey     AAPA
             

Tche Digital

 

 

HPP

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios