Navalshore

Jardim Botânico torna-se acionista minoritário da Elba Equipamentos

A Jardim Botânico Investimentos adquiriu por meio do fundo JB Venture Capital I uma participação minoritária na Elba Equipamentos e Serviços, empresa mineira de logística especializada na movimentação de cargas dentro de companhias. O valor desembolsado e o tamanho da fatia comprado na companhia não foram divulgados.
De acordo com Eduardo Faria, gestor da Jardim Botânico, a proposta do fundo é promover o crescimento da Elba por meio da aquisição de empresas concorrentes, utilizando os recursos aportados na companhia. "Logística é um gargalo muito conhecido da economia brasileira. E há espaço para consolidação neste setor", afirma.
Além das aquisições, a gestora pretende auxiliar a Elba na diversificação de suas atividades, hoje mais restritas às áreas de siderurgia e mineração, com clientes como Usiminas, Gerdau e Samarco. Áreas como petroquímica e papel e celulose passam a entrar no radar da Elba, por exemplo. A expansão também deve ocorrer geograficamente, já que as atividades da companhia estão muito concentradas em Minas Gerais.
Para Sylvio Barbosa, sócio e diretor operacional da Elba, a entrada do fundo foi vantajosa porque com os recursos que entraram na companhia será possível acelerar os planos de crescimento. Sylvio e Flávio Moraes Barbosa, seu irmão, eram os dois únicos acionistas da companhia.
Além da Elba, o fundo JB Venture Capital I já investiu na MZ Consult, empresa de serviços de relações com investidores, e na SuperBac, fabricante de bactérias para tratamento de resíduos. A Jardim Botânico tem como sócio o ex-presidente da Comissão de Valores Mobiliários José Luiz Osório.

Fonte: ValorEconômico/ Carolina Mandl, de São Paulo

    Terlogs     Mampaey     Antaq
             

Tche Digital

 

 

HPP

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios