Navalshore

Importações pelo Porto de Suape batem recorde em arrecadação

Recorde e representa mais do que o dobro do observado em agosto de 2020 e quase 70% a mais do que foi arrecadado em agosto de 2019

As importações realizadas pelo Porto de Suape batem mais uma vez o recorde de volume em dólares e também de arrecadação. No mês de agosto, as importações atingiram a marca de US$ 900,6 milhões, número 27% maior que no mês anterior (que já havia sido um recorde, com US$ 706 milhões), e mais do que o dobro do importado no último agosto antes da pandemia (agosto de 2019), quando foram registradas US$ 380 milhões em importações.

Os dados foram divulgados, na sexta-feira (9) pela Superintendência Regional da Receita Federal na 4ª Região Fiscal, que compreende os Estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte.

PUBLICIDADE

Incatep


Esse número também traz um forte impacto na arrecadação federal em decorrência das importações realizadas por Pernambuco (além do Porto de Suape, pelo Porto do Recife e aeroportos de Petrolina e do Recife). Só em agosto desse ano R$ 710 milhões foram arrecadados, dos quais as importações pelo Porto de Suape representam 95% do total importado por Pernambuco.

Em agosto de 2020, a Alfândega da Receita Federal arrecadou em Pernambuco, decorrentes das importações realizados pelos portos e aeroportos locais, R$ 338 milhões. Já em agosto de 2019, antes do início da pandemia, o montante arrecadado foi de R$ 421 milhões.

Nessas importações, destacam-as as indústrias automotivas e de petróleo e gás. Os três principais produtos importados são combustíveis (42%), veículos e partes/peças de veículos (14%) e máquinas e aparelhos elétricos (6,7%). Já em relação à origem dos produtos, os países que mais exportam para Pernambuco são Estados Unidos (35%), Arábia Saudita (9,3%) e Itália (8,6%).


    GHT     Jan de Nul     Antaq
             

Hidromares

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios