AGI Brasil

Importação em contêineres cresce 42% no Porto de Itajaí no bimestre

Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes bate novo recorde na movimentação em fevereiro

O Porto de Itajaí (berços públicos e APM Terminals) registrou crescimento de 42% na movimentação de contêineres cheios de importação no primeiro bimestre de 2021. Entre janeiro e fevereiro desse ano foram movimentados 36.399 TEUs, contra 25.600 TEUs no mesmo período de 2020.

140.141 TEUs foram movimentados no complexo portuário de Itajaí e Navegantes em fevereiro, um novo recorde . O número supera o de novembro de 2020, de 139.451 TEUs.

O Porto de Itajaí (berços públicos e APM Terminals) registrou movimentação de 39.920 TEUs e 483.036 toneladas. Os índices indicam queda de 10% em contênieres e 3% na tonelagem em relação ao mesmo período do ano passado, em foram movimentados 107.130 TEUs e 1.178.463 toneladas.


TMSA


A Portonave registrou novo recorde histórico. Com movimentação de 100.221 TEUs, ultrapassou a marca registrada em dezembro de 2020, de 91.972 TEUs.

A movimentação do terminal registrou crescimento de 59% nos contêineres e 62% na tonelagem. A Portonave movimentou 100.221 TEUs e 1.066.422 toneladas em 2021 contra 78.470 TEUS e 664.624 toneladas em fevereiro de 2020.

O terminal Teporti registrou cinco escalas, com movimentação de 18.127 toneladas, e o Poly Terminais registrou uma escala com 5.000 toneladas.

A exportação foi responsável por 52% do sentido das cargas. Frango, carnes e madeiras e derivados foram os principais produtos. A importação movimentou principalmente equipamentos mecânicos e eletrônicos, produtos químicos e têxteis.





Dragabras

Assine o Notícias do dia

Navalshore

Priner fundo transp Terlogs
  Mampaey     Sobena

  Yanmar

 

 

  Sobena

 

Tche Digital

 

 

Catálogo da Indústria Marítima

 

Sinaval   Abratec