Navalshore

Grupo da Tailândia tem interesse em importar soja por Paranaguá

A Thai Vegetable Oil Publi Company Limited (TVO) avalia a possibilidade de realizar parte de suas operações de importação de soja em grão pelo Porto de Paranaguá. Executivos da empresa sediada na Tailândia - maior produtora de óleo vegetal do sudeste da Ásia - estiveram na sede da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) nesta quarta-feira (13) para conhecer a infraestrutura e capacidade operacional do corredor de exportação de granéis e a estrutura de retroárea dos terminais.
Os empresários estavam acompanhados do gerente das unidades da Coamo Agroindustrial Cooperativa em Paranaguá, Airton Galinari. A cooperativa atua em toda a cadeia de grãos – principalmente soja – desde a produção até a exportação, sendo, hoje, um dos principais operadores de granéis no Porto de Paranaguá.
“Infelizmente, as informações que eles tinham, até então, do Porto de Paranaguá, eram equivocadas ou, pelo menos, desatualizadas - informações essas que faziam com que eles não operassem por aqui. A razão do convite para que eles viessem até aqui é para que mudem a imagem, o conceito que têm e operem com empresas paranaenses através do Porto de Paranaguá. E é isso que nós estamos mostrando: as vantagens e as facilidades que o porto pode oferecer”, afirmou Galinari.
A TVO é compradora da soja brasileira há cerca de 40 anos. Atualmente, toda soja processada pela companhia – cerca de 2 milhões de toneladas por ano - sai do Brasil pelos portos de Santos e de Tubarão, em Vitória (ES).
Para Galinari, o resultado da visita dos tailandeses foi positivo. Ele acredita que Paranaguá pode vir a fazer parte da rota para os embarques da soja destinada a TVO. “Eles ficaram bem impressionados tanto com os terminais como com toda a estrutura disponível aqui. Estamos mostrando dados estatísticos, o que fizemos no passado recente e isso está dando uma boa credibilidade e mudando o conceito que tinham a respeito do porto”, avaliou.
A China é o principal destino da soja exportada pelo Porto de Paranaguá. Em 2009, embarcaram rumo ao mercado chinês mais de 2,6 milhões de toneladas ou o equivalente a pouco mais de US$ 1 bilhão. Para a Tailândia foi embarcado perto de 360 mil toneladas de farelo de soja, totalizando US$ 127,7 milhões.(Fonte: Agência Estadual de Notícias)

    Terlogs     Antaq     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Sinaval

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios
             
             

Metalock

Navalshore

Cash Computadores

Bombando

Error: No articles to display