Great Ocean

GM desembarca 1,5 mil Agile em Suape

O vice-presidente da General Motors (GM) do Brasil, José Carlos Pinheiro Neto, confirmou ontem o primeiro desembarque na nova central de distribuição de veículos da GM, no Complexo Industrial Portuário de Suape. A previsão é que na primeira quinzena de fevereiro de 2009, 1.500 Agiles (o novo modelo da marca) cheguem ao principal porto do estado para ser distribuído ao Norte e Nordeste do país.
Novo modelo da marca GM virá da Argentina para ser distribuído a partir da central que será inaugurada em Suape. Foto: Pedro Dantas/GM
O anúncio foi feito logo depois de Pinheiro Neto reunir-se com o governador de Pernambuco Eduardo Campos, no Palácio do Campo das Princesas. "Nos comprometemos em resolver as questões burocráticas, principalmente em relação à Receita Federal. O governador também nos cobra mais investimentos", garantiu Pinheiro Neto.
Nesta primeira etapa da central distribuidora, apenas o Agile, produzido na Argentina, virá por este caminho. Serão 1.500 unidades desembarcando por mês em Suape e dependendo da demanda este número pode subir. "Cada navio comporta 6 mil unidades de veículos. No Brasil, nós estamos vendendo 6 mil Agiles por mês e o Norte/Nordeste representa 18% dessas vendas. A ideia é que todos os importados da GM vendidos no Brasil cheguem via Suape", explicou o vice-presidente da GM. A central irá atender 14 estados das regiões Norte e Nordeste.
A intenção da General Motors é trazer para a central de distribuição de Suape pelo menos mais dois modelos: o Captiva, fabricado no México, e o Omega, produzido na Austrália. Ambos devem começar a desembarcar na segunda etapa do processo, prevista para o segundo semestre de 2010. Em cada desembarque (serão dois por mês), cerca de 200 trabalhadores terceirizados e 40 fixos estarão envolvidos.
Principal aposta da GM no Nordeste, o Agile é um novo modelo lançado pela marca em outubro deste ano, um dos lançamentos mais importantes da GM desde a chegada do Celta. Aqui no Nordeste, o Omega ainda não é muito vendido, segundo o representante da GM. "É um carro vendido mais no sul do país", revelou Pinheiro Neto. Já o Corsa Classic está sendo fabricado em São Caetano do Sul (SP) e não chegará via Suape.
A princípio, Pinheiro Neto não prevê uma redução direta no valor do modelo vendido nas duas regiões que serão beneficiadas com a distribuidora. "Não terá efeitos de preço, por enquanto. Evidentemente, esperamos que haja alguma redução depois de um período de 6 meses a um ano da implantação da distribuidora".
O agravamento da crise global atrasou o início das operações da GM em Suape, considerado um ponto estratégico na distribuição de veículos. O local onde irá funcionar a central de veículos tem área de 3,6 hectares e já está pronto para começar a receber os automóveis desde março. (Fonte: Diário de Pernambuco - em 11/12/09)

 

 




Marintec Navalshore