Marintec Navalshore

Crítica ao modelo regulatório

Terminais pedem liberdade para investir e praticar concorrência e preços livres. Antaq cobra transparência
• O diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Mário Povia, afirmou que não está no radar do órgão regulador fazer controle de preços, o que não significa dizer que terminais devam operar com uma ‘caixa preta’. Povia ressaltou que solicitar informações não é controle de preços. Ele também declarou que está equivocada a metodologia que aponta o custo de movimentação de contêiner no Chile a US$ 900, contra US$ 2,5 mil no Brasil.

Para o diretor-geral, sequer existe como fazer um contraponto porque os terminais não se dispõem a passar preços médios para a agência reguladora trabalhar em suas estatísticas. Ele citou que há uma cláusula expressa no contrato de adesão e de arrendamento obrigando empresas a encaminharem informações à agência reguladora.

Restrito a assinantes

Marintec Navalshore

Assine Portos e Navios

Consórcio Águas Azuis

Syndarma

Abac

Conapra

FGV Transportes

Aapa

Tche Digital

Sobena

Sinaval Abratec