Marintec Navalshore

Complexo Portuário de Itajaí recebe o primeiro navio 'gigante'

O primeiro navio de classe conhecido por “megaships”, com até 350 metros de comprimento e capacidade para transportar até 12 mil TEUS, chegou nesse final de semana ao Complexo Portuário de Itajaí.

A embarcação "Ever Laurel", com 334,98 metros de comprimento e 48,8 metros de largura (boca), bandeira de Singapura e capacidade para transportar até 8.452 TEUs, veio do Porto de Paranaguá (PR) e atracou no berço 02 da Portonave. Nessa segunda-feira (1) foi realizada a manobra de saída da embarcação, na nova bacia de evolução.

A manobra teve início às 10 horas, com o navio rebocado de popa até a Baía Afonso Wippel (Saco da Fazenda), área em que está localizada a nova bacia. Já posicionado, ele concluiu um giro de 180 graus e seguiu seu trajeto marítimo rumo ao Porto de Montevidéu (Uruguai). A manobra foi encerrada com sucesso às 11h20min.

A Baia Afonso Wippel foi sugerida por um dos mais antigos práticos de Itajaí, e dentre todos os locais apresentados foi, de acordo com estudos técnicos, o mais adequado para a nova área de manobras.

A obra tem duas etapas. Na primeira etapa, já concluída, a bacia tem 500 metros de diâmetro e 14 metros de profundidade e habilita o complexo a receber navios de até 350 metros de comprimento. As obras dessa etapa foram finalizadas em setembro de 2019. Foram investidos R$ 174,6 milhões para a execução da obra, sendo R$ 129 milhões oriundos do governo do estado de Santa Catarina, R$ 40,1 milhões do Porto de Itajaí e R$ 5,5 milhões da Portonave (Porto de Navegantes).


Marintec Navalshore