Engenharia portuária aposta em estratégias para obter melhores resultados e reduzir tempo de implantação de projetos

• A engenharia portuária brasileira já adotou soluções consideradas estado da arte no mundo, engendradas pelo intercâmbio de técnicas utilizadas em nível internacional e pela participação de multinacionais. Para reduzir tempo e custos de implantação dos projetos, são empregados métodos de engenharia estrutural aliados a técnicas especiais de construção. No segmento, porém, ainda existe percepção de falta de investimentos do poder público nos portos. Com essa carência, empresas privadas que operam nos portos públicos sofrem com a gestão de projetos de infraestrutura importantes e ficam sujeitas a prejudicar suas operações por falta de condições básicas.