MSC

Planos revistos para bases de apoio

Covid-19 e queda do barril adiam expectativas. Apostas estão no pré-sal e pulverização de operadoras

A cadeia de petróleo e gás projetava um cenário de reaquecimento das atividades a partir de 2019 e começando a se intensificar gradativamente nos anos seguintes. O inesperado, porém, veio já no início de 2020, com a pandemia e a queda brusca nos preços dos barris de petróleo no cenário mundial. A expectativa de retomada do setor de petróleo ainda existe, mas foi adiada diante das incertezas, o que ampliou a já forte competitividade entre as bases de apoio offshore.

Registre-se para ler mais...

    Terlogs     Mampaey     Antaq
             

Tche Digital

 

 

HPP

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios