MSC

Petrobras aumenta exportação do óleo de Búzios para a China

A Petrobras deve exportar mais petróleo de Búzios para a China nos próximos meses, enquanto reserva o óleo de Tupi para o mercado doméstico, revela a consultoria Platts. Segundo a empresa, fontes da Petrobras disseram que a petroleira tem canalizado mais volumes de Tupi para seu próprio sistema nos últimos meses, enquanto direciona o foco para Búzios para os mercados de exportação.

Búzios bombeou 535.193 b/d em agosto, de acordo com o último relatório de produção da ANP. A produção do campo deve chegar a 2 milhões de b/d em 2030, segundo a S&P Global Platts.

A China National Offshore Oil Company (CNOOC) deve aumentar sua participação no campo de Búzios de 5% para 10%, de acordo com um comunicado da Petrobras em 29 de setembro. A Petrobras atualmente possui 90% do campo de Búzios, com os 10% restantes divididos igualmente entre a CNOOC e a China National Petroleum Corp (CNPC).

Em termos de qualidade, Búzios e Tupi são parecidos. Um relatório de ensaio de 2018 mostrou que Búzios tem densidade API de 28,4 e teor de enxofre de 0,308%, enquanto o crude Tupi, então denominado Lula, tinha densidade API de 30,5 e teor de enxofre de 0,351%, mostrou um relatório de ensaio de 2013.


Logcomex


    Terlogs     Mampaey     Antaq
             

Tche Digital

 

 

HPP

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios