Navalshore

Shell e CMA CGM assinam acordos sobre GNL e descarbonização

A Shell e a CMA CGM assinaram acordos para trabalhar em conjunto na aceleração da descarbonização do setor marítimo. Isso inclui um contrato de fornecimento de gás natural liquefeito de vários anos que fornecerá GNL aos navios de 13 mil TEUs da CMA CGM no Porto de Cingapura, a partir do segundo semestre de 2023.

A operação simultânea de abastecimento de GNL será realizada pela FueLNG, uma joint venture entre uma unidade da Shell em Cingapura e a Keppel Offshore & Marine Ltd utilizando o "FueLNG Bellina", que já está em operação, e um navio de abastecimento de GNL de 18 mil m3 que entrará em serviço em 2023, aumentando a confiabilidade de suas operações de abastecimento de GNL.

Tahir Faruqui, gerente geral e chefe de Downstream LNG da Shell, disse: “A CMA CGM continua a ver o potencial do GNL como combustível marítimo, por isso é um passo extremamente positivo estender nossos compromissos de fornecimento nesta área. Ao usar o GNL como combustível marítimo, a indústria imediatamente se coloca em um caminho da descarbonização. O GNL é um combustível em transição e oferece um caminho confiável para o biometano liquefeito e o e-metano liquefeito de combustível à base de hidrogênio; ambos tendo o potencial de ser líquido zero”.

PUBLICIDADE

Portonave



    GHT     Jan de Nul     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios