Porto de Rio Grande recebe a Operação Aspirantex 2011

O Grupo-Tarefa 701.1, da Esquadra Brasileira da Marinha, composto pela Fragata Niterói, o navio de Desembarque de Carros e Combate Almirante Saboia e a Corveta Jaceguai, comandado pelo contra-almirante Wagner Lopez de Moraes Zamit, chegou na manhã de ontem, em Rio Grande. A bordo das embarcações, aspirantes e oficiais da Escola Naval que participam da Operação Aspirantex 2011 foram recepcionados no porto rio-grandino, com a tradicional apresentação de dança regionalista do DTG Escola Cipriano Porto Alegre.

Ao todo, 253 aspirantes do segundo e do terceiro ano da Escola Naval estão participando da Operação Aspirantex, que se iniciou no dia 7 de janeiro, em Buenos Aires e no Rio de Janeiro, com o objetivo de preparar os alunos e proporcionar aos mesmos que aprofundem os conhecimentos acerca de suas habilitações, que podem ser: Eletrônica e Sistema de Armas ou Mecânica. Os aspirantes do segundo ano podem ainda aproveitar o momento para optar por um dos três corpos da Marinha a seguir: Armada, Fuzileiros Navais ou Intendência.

A Operação Aspirantex consiste basicamente na realização de exercícios militares no mar, referente a tarefas do Poder Naval, incluindo exercícios de trânsito sob ameaça aérea, ataque coordenado a submarino submerso, tiro de superfície sobre alvo rebocado, exercício de pouso de aeronaves nos navios, manobras táticas em formatura, transferência de carga entre navios e tiro antiaéreo entre outras manobras marinheiras com grau crescente de dificuldade. Além das embarcações que atracaram ontem, no porto, faz parte da operação o submarino Tamoio, que chegou ao porto rio-grandino na última quinta-feira, 20.

Conforme o contra-almirante Wagner Lopes de Moraes, a Operação Aspirantex é realizada anualmente e passa por diferentes portos do Brasil e, neste ano, está acontecendo simultaneamente em Rio Grande e Itajaí. O contra-almirante disse ainda que é sempre bom realizar operações da Marinha na cidade do Rio Grande pela hospitalidade e pelo vínculo histórico, já que se trata da terra do seu patrono, Almirante Tamandaré. Apesar de a Operação Aspirantex não passar por Rio Grande há mais de 10 anos, o oficial informou que muitas operações da Marinha passam por aqui anualmente.

Solenidade

No começo da tarde, foi realizada a assinatura do Termo de Doação de peças de vestuário e cobertores, firmado entre o contra-almirante Zamit e o secretário de Ação Social e Cidadania, Leonardo Salum. Também estiveram presentes na solenidade o vereador Thiago Pires Gonçalves (PMDB), representando o Legislativo, o comandante-em-chefe da Esquadra, vice-almirante Wilson Barbosa Guerra, o comandante do 5º Distrito Naval, vice-almirante Sergio Roberto Fernandes dos Santos, o comandante da 2º Divisão da Esquadra, contra-almirante Wagner Lopes de Moraes Zamith, o comandante do Navio de Desembarque de Carros de Combate Almirante Saboia, capitão-de-mar-e-guerra Oscar Moreira da Silva Filho, e representantes das Voluntárias Cisne Branco – Seccional Rio Grande.

Visitações públicas

As embarcações permanecerão atracadas no porto até a manhã de hoje, quando devem partir com destino à Base das Espadas, no Rio de Janeiro. Para o sábado e o domingo, estão programadas visitações públicas das 14h até o fim da tarde, quando os participantes terão a oportunidade de participar do Cerimonial à Bandeira Nacional comentado, realizado ao pôr-do-sol. Ainda durante a estadia em Rio Grande, aspirantes e oficiais voluntários dos navios realizarão doação de sangue à Santa Casa.

Fonte: Jornal Agora (RS)/Tatiane Fernandes


Marintec Navalshore