Curso H

Novas regras IMO 2020 podem impulsionar fusões

Para a consultoria Drewry, a entrada em vigor em 2020 das novas regras da Organização Marítima Internacional (IMO) não será suficiente para acabar com a concorrência entre as empresas que operam linhas de porta-contêineres, mas pode haver uma nova onda de consolidações. Segundo a consultoria, ainda haverá suficientes transportadoras para os principais mercados. A empresa observa que a maioria das principais operadoras divulgou os resultados financeiros de 2018, com tendência de alta nas taxas de demanda e frete no quarto trimestre.

Restrito a assinantes