Great Ocean

Log-In Logística Intermodal fecha parceria com startup social Primeira Geração

Serão disponibilizadas vagas de estágios de pós-graduação no Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo para os primeiros da família a concluírem o ensino superior. Iniciativa integra o Programa de Diversidade que acaba de ser implementado na companhia.

A Log-In Logística Intermodal está dando um primeiro passo em seu propósito de transformar o ambiente corporativo em um espaço mais igualitário. Sob o pilar social da estratégia de ESG (Environmental, Social e Governance), a companhia acaba de lançar seu Programa de Diversidade com uma novidade: firmou parceria com a startup social Instituto Primeira Geração (IPGer) que apoia graduados do ensino superior a ingressarem no mercado de trabalho.

Estão sendo disponibilizadas vagas para estágio de pós-graduação em seus escritórios no Rio e São Paulo, além do terminal portuário de Vila Velha (ES). Para participar, é necessário que o candidato seja a primeira pessoa da família a ter um diploma universitário e que a formação tenha ocorrido nos últimos quatro anos. A seleção vai até o dia 31 de janeiro.

“Muitas pessoas não conseguem seguir com sua profissão por não terem condições de conquistarem o primeiro emprego compatível com a sua formação e construírem uma carreira de sucesso ao longo da vida. Por isso, é com muito orgulho que abrimos as nossas portas para facilitar o acesso ao mercado de trabalho e contribuir com a carreira desses profissionais como parceira nessa missão oferecendo vagas de estágio de pós-graduação para estes jovens com perspectiva real de contratação. Estamos muito animados para acompanhar o desenvolvimento de competências e atuar como mentores durante o programa. Acreditamos que este será apenas o início de uma jornada de sucesso”, complementa Andrea Simões, diretora de Gente e Gestão da Log-In Logística Intermodal.



Diversidade na prática

Conduzido por um um grupo multidisciplinar, o Programa de Diversidade da Log-In promoverá ações a fim de criar um ambiente favorável às minorias e despertar sensibilização ao tema, trazendo inclusão e empatia para entender a necessidade dos outros. O movimento vai além de modismos e foi desenvolvido de dentro para fora da companhia, com propósitos muito bem definidos. A I Semana da Diversidade da companhia será realizada de 25 a 29 de janeiro e contará com palestras de nomes de peso como Luana Genot e Mari Torquato, ativistas que lutam por causas como racismo e deficiência.

No final do ano passado, um censo entre os colaboradores foi realizado para levantar dados pessoais e entender o cenário da diversidade na empresa, o que ajudará a traçar um plano de ação. Outras frentes que a Log-In vem atuando incluem o aumento da liderança feminina, especialmente no time marítimo, e a contratação de PCDs, que prevê um plano de desenvolvimento profissional e não apenas o cumprimento de cotas obrigatórias.

“Este é um trabalho de construção coletiva. Queremos deixar um legado criando programas de base para formar pessoas e trazer gente diferente para que tenhamos um ambiente corporativo mais igualitário e diverso. Sabemos que temos muito caminho pela frente, mas estamos abertos ao novo e com um olhar inclusivo”, ressaltou Andréa.


Marintec Navalshore