Força Tarefa chega a Salvador

Uma Força Tarefa MUltinacional chega em breve a Salvador para realizar, de 19 de abril a 9 de maio, a Operação UNITAS LII-2011, na área marítima designada como “Amazônia Azul”, dividida em duas fases.

A primeira ocorrerá entre 19 e 26 de abril, na área marítima entre Salvador e Rio de Janeiro; e a segunda de 2 a 9 de Maio, na área marítima entre o Rio de Janeiro e Rio Grande (RS).

A UNITAS é a mais antiga operação multinacional do mundo e tem como principais objetivos incrementar a cooperação entre as marinhas das Américas, contribuir para as boas relações diplomáticas e estreitar os laços de confiança mútua.

Neste ano participam navios, submarinos e aeronaves da Argentina, Brasil, Estados Unidos e México, além de observadores do Chile, Colômbia, Peru e Portugal. Os navios brasileiros atracam no porto de Salvador na quinta-feira (14) e os estrangeiros no dia 15.

O Grupo-Tarefa (GT) da Marinha do Brasil é composto pelas Fragatas Niterói, Constituição e Bosísio; um helicóptero de ataque AH-11 Super Lynx e dois helicóptero UH-12 Esquilo; o Navio-Tanque Almirante Gastão Motta; os Submarinos Tikuna e Tamoio.

O navio ARA Almirante Brown compõe o GT argentino. O GT Norte-Americano é formado pelos navios USS Nitze; USS Boone; USS Thach e USCGC Escanabara. O México participará com o navio ARM Baja California. No Total, estarão envolvidos 2300 militares.

O Contra-Almirante Edlander Santos, Comandante da 1ª Divisão da Esquadra, embarcado na Fragata Niterói, exercerá o comando do Grupo-Tarefa multinacional.

Antes de iniciar a primeira fase, no Porto de Salvador ocorrerão reuniões preparatórias para os exercícios militares, uma coletiva de imprensa, intercâmbio de oficiais e ações cívico-sociais (ACISO) na Escola Municipal Cidade Nova.

A partir de 19 de abril serão realizados, entre outros, exercícios de guerra anti-submarino, de superfície e de defesa aeroespacial; tiro real com canhões e lançamento de mísseis.

Durante a permanência em Salvador, os navios brasileiros estarão abertos à visitação, nos dias 16 e 17, das 14h até o pôr do sol. Os visitantes poderão assistir ao “Cerimonial à Bandeira”, que ocorre no final da tarde, e acompanhar a execução do Hino Nacional.
Fonte: Jornal A Região


Marintec Navalshore