Com financiamento da Petrobras, Coppe/UFRJ inaugura sistema que simula correntes marinhas

• O Laboratório de Tecnologia Oceânica (LabOceano) da Coppe/UFRJ inaugurou em 19 de dezembro, no Parque Tecnológico do Rio, na Cidade Universitária, um novo sistema capaz de reproduzir correntes marinhas com alta precisão. Com investimento de R$ 18,8 milhões da Petrobras e R$ 3,2 milhões da Finep, o simulador contribuirá para estudos necessários à exploração de petróleo em águas profundas e ultraprofundas, como as do pré-sal.

Capaz de reproduzir as características da correnteza em águas brasileiras, o equipamento é composto por seis motores e seis bombas hidráulicas operados de modo independente. O sistema permite que a velocidade e o direcionamento de cada uma das seis correntes geradas sejam modificados, sem que se alterem as demais.


Schottel



Syndarma

ABTP

Abac

Antaq

TMSA

Assine Portos e Navios

Abeam

Sobena

Fenavega Abratec