MSC

Cinco agências de concorrência cooperam para impedir o conluio no mercado de frete

Cinco das principais autoridades concorrenciais de todo o mundo formam um novo grupo de trabalho para colaborar na identificação e repressão de condutas ilegais, incluindo conluio, fixação de preços ou manipulação de preços na cadeia de suprimentos global. As autoridades dos Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Austrália e Nova Zelândia planejam compartilhar esforços para combater abusos.

As cinco nações reconhecem que houve interrupções significativas no fornecimento global em consequência da pandemia. No entanto, também destacam que os fretes nas principais rotas comerciais globais estão atualmente cerca de sete vezes mais altas do que há dois anos.

O objetivo do grupo de trabalho é ajudar a identificar tentativas de empresas de usar interrupções na cadeia de suprimentos como cobertura para fixação de preços ou outras atividades de conluio que envolvam concorrentes cooperando em vez de competir entre si.

PUBLICIDADE




Praticagem

   ATP    GHT    abtp
       

Hidroclean

 

 

Países Baixos

 

  Pesa   Assine Portos e Navios
       
       

© Portos e Navios. Todos os direitos reservados. Editora Quebra-Mar Ltda.
Rua Leandro Martins, 10/6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20080-070 - Tel. +55 21 2283-1407
Diretores - Marcos Godoy Perez e Rosângela Vieira