Marintec Navalshore

Produtos e Serviços

Navio do Ano

A Rolls-Royce equipa a inovadora balsa ZeroCat120, vencedora do importante prêmio Navio do Ano 2014. Pertencente às companhias de ferry Norled e Fjellstrand Yard, a ZeroCat 120 é a primeira balsa da história movida a bateria. A tecnologia Rolls-Royce presente no modelo inclui propulsores otimizados Azipull. Concedido pela indústria, o prêmio foi entregue durante a SMM, maior feira do setor, em Hamburgo, na Alemanha. A embarcação deve entrar em operação em uma travessia dos fiordes na costa oeste da Noruega, em 2015, e não emitirá nenhum poluente. Ela tem espaço para 120 carros e transporta até 360 passageiros.

Awlcraft

A divisão Yacht Coatings da Akzo Nobel coloca à disposição do mercado uma extensão da marca de acabamentos premium Awlgrip. Assim como as já existentes cores metálicas, peroladas e de efeitos especiais, a linha Awlcraft SE vai incluir agora cores sólidas. Com os mesmos benefícios de brilho, fluidez e longevidade, já presentes na marca Awlgrip, a disponibilidade de cores sólidas traz aos consumidores uma oferta completa para aqueles que estão procurando abraçar as inúmeras vantagens de um sistema de acabamento/verniz. Projetado pela equipe de profissionais da Yacht Coatings especialmente para esse mercado, os produtos Awlcraft SE são fáceis de aplicar com a pistola e trazem um acabamento premium, de breve secagem e alta durabilidade.

Livros

As Edições Aduaneiras acaba de lançar os livros Longo Curso, Cabotagem e Bandeira de (In) Conveniência e Pré-Sal, Comércio Internacional e Poder Judiciário. O primeiro, de autoria do professor e advogado Osvaldo Agripino de Castro Junior, com prefácio do comandante Álvaro José de Almeida Junior. O segundo dos advogados Wellington Beckman e Gerson da Silva Paulo, com prefácio de Osvaldo Agripino. As obras podem ser adquiridas em www.multieditoras.com.br.

Locaweb

O Grupo Locaweb anuncia, após um ano e meio de estruturação, a sua nova unidade de negócios voltada exclusivamente para o mercado corporativo, a Locaweb Soluções Corporativas. Como os serviços fornecidos são cross-industries, a unidade vai atender todos os segmentos que necessitam de infraestrutura de TI customizada de acordo com as necessidades específicas de cada negócio.

Até o momento, foram investidos cerca de R$ 40 milhões em Data Center e uma equipe com 140 funcionários, que já atende 1.000 projetos corporativos. Além disso, parte do valor foi aplicado em certificações, sendo que entre as principais está o PCI-DSS Nível 1 – Service Provider da infraestrutura e dos serviços de Data Center. Com isso, a Locaweb Soluções Corporativas se torna a primeira provedora de hospedagem brasileira a obtê-la.  

Para Flávio Jansen, presidente do Grupo Locaweb, a criação da área corporativa foi um movimento evolutivo natural dos negócios. “Ao longo dos anos, percebemos o crescimento da abrangência dos nossos serviços e vimos neste momento a hora certa de atender de maneira estratégica empresas de portes maiores. Iremos trabalhar exaustivamente para atingirmos a liderança desse mercado dentro de 5 anos”, afirma.

A necessidade por criar uma área que atendesse ao público corporativo começou a surgir aos poucos, em 2009, quando alguns clientes começaram a ter novas demandas por mais estrutura e projetos customizados e, além disso, os produtos para varejo da Locaweb já não estavam mais atendendo esse novo perfil. A partir daí, iniciou-se um processo interno para desenvolver soluções personalizadas. Como o volume destas soluções foi crescendo, percebeu-se a importância de ter um portfólio e equipe dedicados ao público corporativo. E foi no final de 2012 que a nova unidade começou a ser desenhada e estruturada.

Aquisição

A Henkel assinou contrato para adquirir a The Bergquist Company, fornecedora privada líder em soluções termomagnéticas para a indústria de eletrônicos mundial. Com base em Chanhassen, MN, USA, a Bergquist fornece soluções termomagnéticas para aplicações eletrônicas, atendendo uma grande variedade de indústrias. “Com esta aquisição estamos fortalecendo nossa posição como um mercado global e líder em tecnologia,” diz Jan-Dirk Auris, vice-presidente executivo de Adhesive Technologies. As partes concordaram em não divulgar quaisquer detalhes financeiros sobre a transação, que será contabilizada como lucro após o fechamento. A aquisição está sujeita à aprovação das autoridades antitruste.

Certificado

A Intech Boating, instalada em Palhoça (SC), é o primeiro estaleiro brasileiro a receber o certificado de conformidade em instalação da Volvo Penta. O reconhecimento para as embarcações da marca italiana Sessa Marine. A certificação significa que o estaleiro está aplicando os motores da marca sueca conforme recomendações técnicas e dentro dos padrões de qualidade estabelecidos internacionalmente pela marca, não oferecendo riscos às embarcações e proporcionando uma experiência de uso correta.

Plataforma 3C

A Wärtsilä apresenta o Centro de Controle e Comunicação – “Wärtsilä 3C”, um dos mais modernos sistemas integrados de controle de embarcações para o mercado offshore, uma novidade de sua divisão de Ship Power (naval e offshore). A plataforma permite o controle eficiente e seguro do navio, independente das condiçõeAs de funcionamento. “O sistema é formado por dispositivos reais como os que estão a bordo de uma embarcação e inclui um simulador de ambiente virtual, o que permite que o visitante possa realmente navegar e manobrar o navio modelo, usando todos os controles, como lemes e propulsores”, explica Reijo Granqvist, gerente de produto 3C da divisão de Ship Power da companhia.

O simulador foi projetado apenas para exibições e treinamentos, apesar de possuir todo o design e equipamentos utilizados em uma operação real. O equipamento já foi apresentado em Shanghai, Cingapura, Noruega e Holanda e na Rio Oil & Gas. A plataforma fornece às tripulações um meio de garantir a segurança e eficiência, com consequente redução de custos e impacto ambiental. Totalmente em linha com os requisitos do segmento offshore, o Wärtsilä 3C disponibiliza todas as informações e ferramentas necessárias para a tomada de decisões, a bordo e em terra.

Smarttech
A Smarttech inaugura o primeiro centro de apoio ao desenvolvimento de projetos de engenharia da América Latina, em Holambra (SP). Com investimentos de R$ 5 milhões, o TechCenter foi construído para atender à crescente demanda de fabricantes de setores, como automotivo, máquinas agrícolas, óleo e gás, bens de consumo e eletroeletrônicos, que buscam melhorar a produtividade e qualidade do produto. O TechCenter está localizado numa área de 37 mil metros quadrados. O empreendimento, que fica na rua Jaguariúna, 882, Distrito Industrial, passa a abrigar, também, a matriz da Smarttech, empresa 100% nacional, que funcionava há 17 anos na Capital paulista.

Ricardo Nogueira, diretor geral das Operações de Serviços da Smarttech, afirma que, atualmente, há uma grande necessidade nas empresas da realização de testes e simulação para validação de produtos em todos os segmentos. “Hoje há cada vez mais uma cobrança para que as empresas sejam mais produtivas e mais inovadoras tal como o programa do governo federal Inovar-Auto. Nossa iniciativa de construir este TechCenter é uma contribuição que estamos dando para auxiliar as empresas a atingir estes objetivos”, afirma o executivo. O TechCenter é voltado, principalmente, para prestação de serviços. É uma alternativa econômica para as empresas complementarem seus recursos em relação à montagem da infraestrutura.

Acordo

A Marinha do Brasil, o Ministério da Pesca e Aquicultura e o Instituto Federal Fluminense (IFF) assinaram em 18 de setembro acordo de cooperação técnica que prevê a oferta de cursos do Ensino Profissional Marítimo (EPM) para Aquaviários do 3º Grupo – Pescadores. A assinatura fez parte dos programas do encontro “Diálogos”, que reuniu diversos representantes do setor pesqueiro e aquícola com o objetivo de estimular o debate e a participação da sociedade na elaboração da Política Nacional de Pesca e Aquicultura. Em seu discurso, o almirante Cláudio Portugal de Viveiros, diretor de Portos e Costas (DPC), ressaltou a importância do pescado no conjunto de riquezas da Amazônia Azul e a disposição da DPC em estreitar esse tipo de parceria, que “muito poderá realizar em prol da atividade pesqueira no norte do Estado do Rio de Janeiro, não só para regularizar ou atualizar profissionalmente trabalhadores que já atuam na atividade, conferindo-lhes meios de ascensão profissional, como também formar, qualificar ou adaptar novos profissionais”, disse.

Atualmente, sete Institutos Federais de Educação estão credenciados pela Marinha do Brasil para habilitar os pescadores a trabalharem embarcados. O Ministro da Pesca e Aquicultura, Eduardo Lopes, também destacou a necessidade de capacitação profissional do setor pesqueiro, que, segundo ele, pode crescer dez vezes mais em um curto espaço de tempo.

SGX

A Esab Soldagem e Corte apresenta a SGX, uma máquina de corte automática e compacta para corte plasma e oxicombustível. O sistema está projetado com a tecnologia de última geração da Esab, agora acessível ao pequeno construtor ou fabricante. A SGX é uma máquina robusta e de alto desempenho, com até três estações de ferramentas, incluindo, até dois maçaricos de oxicombustível e uma estação de plasma, que pode ser equipada com o Sistema Plasma Precision m3-IGC para realizar cortes de alta qualidade. Dentre os recursos avançados está o comando CNC com tela sensível ao toque Vision® T5 fácil de usar, com nesting automático incorporado, além de controles de gás automáticos e automação do corte plasma acionado pela tecnologia Plasma m3.

O desempenho e a precisão são garantidos com um pórtico de aço de alta resistência, superfícies conjugadas usinadas com precisão e guias lineares. Este projeto robusto garante movimentos suaves, precisão e grande durabilidade da máquina. A SGX possibilita maior produtividade, com rápidos tempos de ciclo entre cortes através da integração de dupla motorização de alta velocidade e uma estação de oxicorte veloz. O projeto compacto da máquina de corte SGX minimiza os requisitos de espaço. Os incrementos de um metro do trilho mantêm as dimensões reduzidas para maximizar o espaço de produção.

Publicidade

Catálogo da Indústria Marítima