Navalshore 2024

Yara inaugura fábrica de hidrogênio renovável

A Yara International inaugurou nesta segunda-feira (10) oficialmente sua fábrica de hidrogênio renovável em Herøya, Noruega. A empresa está agora produzindo hidrogênio e amônia renováveis e já entregou as primeiras toneladas de fertilizantes feitos a partir de amônia renovável produzida nesta fábrica.

“Este é um marco importante para a Yara e para a descarbonização da cadeia de valor alimentar, transporte de combustível e outras indústrias de uso intensivo de energia”, disse Svein Tore Holsether, presidente e CEO da Yara.

O primeiro-ministro norueguês, Jonas Gahr Støre, inaugurou hoje a central de hidrogênio renovável de 24 MW no Parque Industrial de Herøya, a maior do gênero atualmente em operação na Europa. O hidrogênio é produzido com eletrólise de água e energia renovável, substituindo o gás natural como matéria-prima e reduzindo anualmente 41 mil toneladas de emissões de CO2 no local.

PUBLICIDADE


Os fertilizantes com baixa pegada de carbono produzidos e entregues farão parte de um novo portfólio denominado Yara Climate Choice. Estas soluções beneficiarão as culturas e, ao mesmo tempo, contribuirão para a descarbonização da cadeia de valor alimentar e para a redução do impacto climático. Além dos fertilizantes produzidos com eletrólise de água e energia renovável, os fertilizantes à base de amônia de baixo carbono produzidos usando armazenamento por captura de carbono (CCS) constituirão uma parte do portfólio da Yara daqui para frente.

"A amônia renovável é uma parte importante do quebra-cabeça da descarbonização, mas desenvolvê-la em escala leva tempo. À medida que o mundo se aproxima rapidamente de 2030, também estamos trabalhando para produzir amônia de baixo carbono com CCS para permitir a economia do hidrogênio e desenvolver os mercados emergentes para amônia de baixa emissão", disse Hans Olav Raen, CEO da Yara Clean Ammonia.

Em 2023, a Yara assinou um acordo vinculativo de transporte e armazenamento de CO2 com a Northern Lights, o primeiro acordo CCS transfronteiriço do mundo em operação. A Yara pretende reduzir suas emissões anuais de CO2 em 800.000 toneladas provenientes da produção de amônia em Yara Sluiskil.

O hidrogênio é usado para produzir amônia, que por sua vez é usada para produzir fertilizantes e também pode ser usada como combustível para transporte marítimo. A amônia também é um transportador eficiente de energia e hidrogênio.



Praticagem

   ATP    GHT    Oceanpact
       

Hidroclean

 

 

Países Baixos

 

  Pesa   Assine Portos e Navios
       
       

© Portos e Navios. Todos os direitos reservados. Editora Quebra-Mar Ltda.
Rua Leandro Martins, 10/6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20080-070 - Tel. +55 21 2283-1407
Diretores - Marcos Godoy Perez e Rosângela Vieira