Brasmero

Vard Promar exporta píer flutuante para operação em porto da Jamaica

O Vard Promar (PE) entregou um píer flutuante para a empresa norueguesa Seawalk. A embarcação Seawalk Port Royal, construída pelo estaleiro, vai operar no Porto de Kingston, na Jamaica. A solução flutuante permite uma conexão entre navios e instalações em terra. Em casos de furacões, por exemplo, é possível deslocar rapidamente os passageiros para locais seguros utilizando essa passagem. Segundo a Seawalk,  o processo de desconexão e recolhimento do píer é feito dentro de 30 minutos. A empresa norueguesa divulgou um vídeo do píer flutuante. 

O vice-presidente sênior do Vard Promar, Guilherme Coelho, destacou a exportação de uma embarcação por um estaleiro brasileiro. "Anunciamos com orgulho a entrega de mais um projeto para nosso cliente Seawalk com segurança e eficiência, dentro do prazo e orçamento", disse. A entrega ocorreu antes do prazo, já que a expectativa de entrega era até o final de 2018. 

Ele acrescentou que essa entrega faz parte da estratégia de diversificação da carteira. Até o final do ano, o Vard Promar pretende entregar o último gaseiro encomendado pela Transpetro, além de um PLSV (lançador de linha) que está sendo construído para uma joint venture entre DOF e Technip. A empresa também está entre os finalistas da concorrência para construção de quatro corvetas para a Marinha brasileira, cujo resultado está previsto para ser conhecido até março de 2019. 

PUBLICIDADE

Rimac



Por Danilo Oliveira
(Da Redação)


Pesa

    AAPA     Jan de Nul     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Hidromares

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios