Marintec Navalshore

Toneladas de estruturas de aço de estaleiro são leiloadas em Rio Grande

Um leilão online vai vender 38 mil toneladas de estruturas de aço do estaleiro Ecovix, de Rio Grande, no Sul do estado, a partir das 14h30, desta terça-feira (23). Na semana passada, outro leilão negociou a venda de 26 mil toneladas, mas não há informações se o lote foi arrematado e nem quem teria comprado a sucata.

Todo o material que foi colocado à venda era para ter se transformado nas plataformas P-71 e P-72, usadas na extração de petróleo e gás natural.

Em 2010, a Petrobras encomendou oito cascos de plataformas ao estaleiro da Ecovix. Cinco anos depois, o contrato de quase R$ 10 bilhões foi cancelado e 3,5 mil trabalhadores foram demitidos.

Publicidade

Marintec Navalshore

 

O estaleiro conseguiu evitar a falência e, desde então, tenta voltar à operação. Com o leilão, os projetos das plataformas não serão retomados.

A crise na Ecovix tem relação direita com a Operação Lava Jato. Diretores do estaleiro foram presos por irregularidades nos contratos com a Petrobras.

Em 2013, no auge da construção de plataformas em Rio Grande, eram cerca de 20 mil trabalhadores, a maioria no estaleiro da Ecovix. Atualmente, as operações estão praticamente parados.

"A gente vê esse momento como extrema derrota para classe trabalhadora que tanto lutou. Vendo aquilo ali virar sucata, o sonho de muitos, famílias destruídas por essa situação. Hoje, nosso trabalhador vive muito na informalidade, outros desempregados e essa é a realidade plena do fim daquele sonho, daquela luta que a gente tanto travou para manter aquele estaleiro ali. O que virou sucata foi o sonho, de um estaleiro pleno. Nosso trabalhador muito deixou o suor ali, hoje está virando sucata. É cortado em pedaços, vai para siderúrgica onde é derretido e é vendido", diz o vice-presidente do Sindicado dos Metalúrgicos de Rio Grande, Sadi Machado.

Em maio, o estaleiro EBR, em São José do Norte, deve contratar aproximadamente 400 trabalhadores para a construção de um grande módulo que vai fazer parte de uma plataforma que vai ser montada na China.

Fonte: G1

Assine Portos e Navios

Consórcio Águas Azuis fundo transp Syndarma
  Abac     Assine Portos e Navios

  Catálogo da Indústria Marítima

 

 

  Antaq

 

Tche Digital

 

 

 

Sinaval   Abratec
Publicidade

Marintec Navalshore