Setor naval atrai nova empresa

Especializada na fabricação de equipamentos e prestação de serviços, companhia americana Fiber Glass Systems prevê aporte de R$ 20 mi em Suape

O projeto Suape Global ? que tem como proposta fomentar uma cadeia de bens e serviços para as áreas de petróleo, gás, naval e offshore ? contabiliza a décima empresa atraída para o complexo. Ontem, o governador Eduardo Campos e representantes da companhia americana Fiber Glass Systems, assinaram protocolo de intenções para a construção de uma fábrica em Suape. Com investimento de R$ 20 milhões, essa será a primeira indústria do grupo no Brasil, que conta hoje com sete fábricas, sendo cinco nos Estados Unidos e duas na China.

Sediada em Houston (Texas), a Fiber Glass Systems é um braço do Grupo National Oilwell Varco (NOV), especializado na fabricação de equipamentos e prestação de serviços para as indústrias naval e de petróleo. O conglomerado está presente no Brasil há 15 anos, atendendo a Petrobras e a estaleiros no Rio de Janeiro. A Fiber Glass fornece tubos e conexões em epóxi reforçado com fibra de vidro para perfuração de poços de petróleo terrestres e na área naval para plataformas FPSOs e navios suezmax e aframax.

Em Pernambuco, o primeiro cliente será o Estaleiro Atlântico Sul (EAS). ?A companhia será fornecedora de equipamentos para os dez suezmax que estão em construção no estaleiro?, adianta o presidente Hossein Arian. O executivo afirma que quatro Estados disputaram a unidade e que a escolha por Suape foi motivada pela infraestrutura e localização estratégica de Suape. Num primeiro momento a fábrica vai atender ao mercado local e nacional, mas o plano é, no futuro, exportar parte da produção para África e América do Sul.

O governador Eduardo Campos diz que Pernambuco está colhendo o que vem plantando ao longo de sua gestão. ?Antes mesmo de lançar o projeto Suape Global realizamos missões aos Estados Unidos, Noruega, Inglaterra e Canadá para conhecer a realidade dos setores em polos de referência. Não queremos apenas ter uma refinaria vamos potencializar os investimentos em torno dela?, destacou.

A fábrica da Faber Glass em Suape vai ocupar um terreno de oito hectares e gerar 100 empregos diretos. A expectativa dos executivos é começar as obras no segundo semestre de 2010 e inaugurar 12 meses após o início da construção.

ABRAÇO

Servidores municipais de Ipojuca realizam hoje, a partir das 10h, o movimento Vamos dar as mãos: Suape é nosso. O protesto é contra a criação do Distrito Estadual de Suape ? ideia da deputada estadual Elina Carneiro ? e a repartição do ICMS da cidade com os municípios do Território Estratégico de Suape. O auditor tributário de Ipojuca, Carlos Cardoso Filho, diz que a ação deverá reunir 5 mil servidores para dar um abraço em Suape. A Prefeitura de Ipojuca decretou ponto facultativo e o comércio vai fechar as portas no horário das 9h às 12h. (fonte: Jornal do Commercio (PE)/Adriana Guarda)

Comentários

 

 

Reportagens da edição 702

Presença a bordo

08 Jul 2019 18:07 Navegação

Empresas pedem manutenção das vagas na formação para não faltar marítimos. Sindicato cobra equilíbrio entre oferta e demanda • O mercado de navegação no Brasil apresenta oferta de marítimos superior à...

Legal Seminar

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

Considerado o mais importante mercado “offshore” fora do Mar do Norte, o Brasil também atraiu a atenção de armadores noruegueses em evento paralelo • A primeira apresentação deu uma visão das...

Mercado de gás

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

As oportunidades no setor de gás no Brasil também foram debatidas no evento.  A superintendente de Oléo e Gás do estado do Rio de Janeiro, Cristina Pinho, deu um quadro...

Brasil na Nor-Shipping

08 Jul 2019 18:07 Indústria naval

Pela terceira vez o Brasil promove um seminário durante o evento • Se neste ano o clima do evento em geral já era mais leve que nas edições anteriores, no caso...

Leia mais reportagens da edição impressa