Robô fará inspeção de tanques em FPSO

A Shell Brasil assinou recentemente com a empresa britânica Innospection e o Senai Cimatec um contrato de parceria para o desenvolvimento de um robô para a inspeção de tanques de carga em serviço de navios-plataforma (FPSOs). Esse robô chamado MCCR (MEC Combi Crawler Robot) será lançado a partir do convés principal e se moverá na parte externa de cascos de FPSOs operados pela Shell assim como nos demais FPSOs operando no Brasil. O robô será equipado com dispositivos para limpeza das incrustações marinhas e para a detecção de defeitos e anomalias na estrutura do casco. O desenvolvimento dessa ferramenta permitirá maior eficiência na inspeção de tanques de armazenamento de óleo, melhorando a integridade e a segurança dos navios-plataforma. Estima-se uma redução de custos entre 20% a 30% na inspeção dos tanques, quando o uso do robô é combinado com outras ferramentas robóticas de inspeção, como drones.

Restrito a assinantes