Marintec Navalshore

Lançados os primeiros navios-tanque de posicionamento dinâmico com duplo combustível de GNL

A armadora e operadora AET apresentou nesta quarta-feira (16) dois dos primeiros navios tanques de transporte com posicionamento dinâmico e duplo combustível (DPSTs) do mundo. As embarcações, os DPSTs mais limpos já construídos, emitirão de 40% a 48% menos carbono do que as embarcações equivalentes construídas em 2008, cumprindo a meta da Organização Marítima Internacional (IMO) de reduzir as emissões de carbono (CO2) em 40% até 2030, tendo como base o ano de 2008, e reduzir pela metade as emissões de CO2 até 2050.

Esses DPSTs de duplo combustível LNG também emitem 85% menos SOx, 98% menos NOx, 98% menos material particulado e 93% menos partículas de carbono preto do que os DPSTs que queimam combustível convencional.

Os navios-tanques irmãos "Eagle Blane" e "Eagle Balder" foram apresentados em uma cerimônia realizada no estaleiro Geoje da Samsung Heavy Industries (SHI), na Coréia do Sul.

Publicidade
Catálogo da Indústria Marítima

 

Os navios atenderão à empresa norueguesa de energia Equinor em fretamento de longo prazo para operações em campos de petróleo na Plataforma Continental Norueguesa do Mar do Norte, no Mar da Noruega e no sul do Mar de Barents, bem como na Plataforma Continental do Reino Unido.

Alimentados por gás natural liquefeito (GNL) como combustível primário, os DPSTs também poderão capturar 100% dos compostos orgânicos voláteis (VOC) nocivos que escapam ao ar de cargas de petróleo bruto durante o carregamento e viagem, para reutilização como combustível suplementar.

Utilizando um sistema mais eficiente para posicionamento dinâmico, combinada com os sistemas de GNL de duplo combustível e recuperação de VOC, essas embarcações economizarão até um valor estimado três mil toneladas de combustível por ano em comparação com DPSTs convencionais do mesmo tamanho.

As embarcações foram construídas pela Samsung Heavy Industries (SHI), para a AET Sea Shuttle AS (AETSS), uma joint venture entre a empresa de transporte norueguesa ADS Shipping e a AET Tankers com sede em Cingapura

Os DPSTs gêmeos de 123.100 tpb serão propelidos por dois motores de dois tempos de baixa pressão e dois combustíveis, que atendem aos requisitos de emissões de Nível III da IMO no modo de gás, sem necessidade de pós-tratamento dos gases de escape.

Comentários

ABB

Assine Portos e Navios

Consórcio Águas Azuis

Syndarma

Envie uma pauta

Conapra

FGV Transportes

Aapa

Tche Digital

Sobena

Sinaval Abratec