Marintec Navalshore

Equinor defende estabilidade de regras

A Equinor acredita que a estabilidade de regras é o ponto central para viabilizar projetos e novos investimentos no setor de petróleo e gás no Brasil. A vice-presidente sênior da Equinor, Verônica Coelho, disse que o desafio das petroleiras no Brasil é conseguir desenvolver propostas de negócios competitivas para obterem preferência de suas matrizes. Por conta dos riscos para os investidores e do longo prazo de maturação, os projetos no Brasil precisam ser melhores do que os de outros mercados mundiais. “Todas nossas propostas de investimentos competem pelos recursos em bases mundiais. Temos que garantir que vamos conseguir desenvolver as propostas competitivas para ganhar essa corrida e emplacar esses investimentos”, disse Veronica, durante o seminário Desafios e Oportunidades para o Mercado de Petróleo e Gás, promovido pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan).

Restrito a assinantes

Cash Computadores

Assine Portos e Navios

Consórcio Águas Azuis fundo transp Syndarma
  Envie uma pauta    

  Assine Portos e Navios

 

 

  Antaq

 

Tche Digital

 

 

Sobena

 

Sinaval   Abratec
Publicidade

Catálogo da Indústria Marítima