MSC

Doutores recebem incentivos para desenvolver pesquisas em Sergipe

O Governo do Estado, através da Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica do Estado de Sergipe (Fapitec/SE), tem trabalhado para atrair para Sergipe doutores com competência profissional reconhecida que obtiveram seus títulos em outros estados. A ação é feita continuamente desde 2007 por meio de um convênio com o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o edital programa de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Regional (DCR).
“Com o programa DCR, o Governo de Sergipe, em parceria com o Governo Federal, investe na atração e na fixação de capital humano objetivando criar massa crítica para a pesquisa científica e tecnológica em áreas onde são detectadas insuficiências, priorizando aquelas que dialogam com as demandas do setor produtivo de Sergipe”, observou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia e do Turismo, Jorge Santana, pasta a qual a Fapitec é vinculada.
O CNPq criou este programa para estimular a mobilidade de doutores formados em grandes centros para regiões que necessitam consolidar suas bases científicas, colaborando para a efetivação desses profissionais nas instituições públicas ou privadas dos estados. As regiões prioritárias são o Norte, o Nordeste, o Centro-Oeste, com exceção de Brasília, e microrregiões de baixo desenvolvimento científico e tecnológico.
Em seus dois anos de fluxo contínuo em Sergipe, o DCR já beneficiou 58 doutores. Destes, 14 foram fixados em instituições sergipanas de pesquisa e ensino superior. Os doutores têm o direito à bolsa de 36 meses, auxílio à instalação e pesquisa, bolsistas de apoio técnico e passagens áreas nacionais para participarem de congressos.
Para o diretor-presidente da Fapitec/SE, Ricardo de Santana, o DCR contribui para a consolidação do desenvolvimento científico nas regiões mais carentes. “O programa diminui as desigualdades no desenvolvimento de ciência e tecnologia no país. Apesar de hoje termos programas de doutorado, ainda existe carência de pesquisadores em nossa região”, disse Ricardo.
Segundo ele, esta é uma forma de difundir a ciência. “O que esperamos é que os bolsistas contribuam cada vez mais para o desenvolvimento social e econômico. Queremos que a ciência em nosso estado esteja presente em todas as instituições de Sergipe que desenvolvem pesquisa. Nosso objetivo é que esses doutores sejam fixados e dêem continuidade a seus projetos e desenvolverem tantos outros”, pontuou o diretor-presidente.
Bolsista DCR, vinda de Ribeirão Preto/SP, a pesquisadora Yana Teixeira, foi fixada e hoje é professora adjunta do Departamento de Biologia da Universidade Federal de Sergipe. “Oportunidade é algo crucial. Quando terminamos nosso doutorado é óbvio que nós queremos um lugar para continuar nossa pesquisa. Se não temos uma porta aberta, por menor que seja, isso fica inviável. Então a possibilidade de estar em uma instituição seja ela de pesquisa ou de ensino é fundamental para o desenvolvimento de pesquisa no Estado e nas instituições. Eu só tenho a parabenizar a Fapitec por ter implantado o programa DCR em Sergipe”.
Outros Projetos
Atualmente, 15 pesquisadores desenvolvem seus projetos com bolsista DCR em Sergipe. As pesquisas estão ligadas à área de tecnologia da informação, às áreas de prioridade para o Governo de Sergipe como Engenharias, Energia e Recursos Minerais, Meio Ambiente e Ecologia, Biotecnologia e Produtos Naturais, Nanotecnologia e Tecnologias Sociais.
Além de áreas consideradas fundamentais para o desenvolvimento econômico do Estado, dando ênfase as Cadeias Produtivas (Agronegócios, Biocombustíveis, Construção Civil, Construção Naval, Têxtil, Confecções e Calçados, Fertilizante e segmento Minero-químico) e aos Arranjos Produtivos Locais (Pecuária do Leite, Confecções e Artesanato de Bordado, Piscicultura, Ovinocaprinocultura, Fruticultura, Apicultura, Mandioca, Tecnologia da Informação, Cerâmica Vermelha, Petróleo e Gás).

 

    Terlogs     Mampaey     AAPA
             

Tche Digital

 

 

HPP

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios