AGI Brasil

Discussão sobre projeto de Tintanzinho não existe

Heitor Férrer entende que Cid Gomes parte na frente ao apresentar projeto "macro" do empreendimento
Se a prefeita Luizianne diz que tem projeto urbanístico para a área do Titanzinho, que apresente, diz pedetista
O deputado Heitor Férrer (PDT) disse acreditar que não exista projeto de urbanização que a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, diz ter para a área do Titanzinho, para onde o Governo do Estado pretende levar um estaleiro. Ontem, durante pronunciamento na Assembleia, o deputado cobrou a apresentação do suposto projeto. "O projeto da senhora prefeita onde está?", questionou.
Férrer disse que a área do Titanzinho, por muitos anos, foi esquecida pela administração pública, sobretudo da municipalidade. Com a polêmica levantada sobre a instalação de um estaleiro naquele local, a Prefeitura assegurou possuir um projeto de requalificação para a área, porém até agora ninguém tem conhecimento do mesmo.
"Já que a prefeita não aceita que o estaleiro seja construído naquele local, tinha que apresentar algo que esmaeça a vontade do governador. O fato de o projeto não ter sido já executado é uma falha, pois aquela área é vocacionada para o turismo. Então qual é o projeto que a prefeita tem para inibir a vontade do governador", questiona.
O pedetista pondera que o governador Cid Gomes também não apresentou o projeto do estaleiro o que deveria ser apresentado para que se tenha uma noção real do empreendimento que deve ser privado.
Por conta da ausência destes projetos, é importante que na audiência pública que a Assembleia deverá promover estejam presentes tanto o governador, quanto a prefeita, para que os projetos sejam apresentados e para que haja um confronto entre o que defende Cid Gomes e o que defende Luizianne Lins, como argumenta o deputado.
Férrer acredita que Cid Gomes esteja sendo "arrogante" e "petulante" em insistir em instalar o empreendimento naquele local, pois pensa que se fosse habitado por pessoas de classe alta talvez o governador não teria tido a pretensão de fazer qualquer obra por lá.
Debate
O líder do Governo na Casa, deputado Nelson Martins (PT), rebateu os questionamentos, defendendo que, em momento algum, Cid Gomes teve uma postura arrogante em relação a essa discussão do estaleiro. Prova disso, segundo ele, foi o fato de o governador ter, por mais de 4 horas na tribuna da Assembleia, discutindo o assunto com todos os deputados.
Já em relação ao fato do pedetista ter dito que se fosse um bairro de classe alta não sofreria esse tipo de interferência, o líder do Governo respondeu que não há essa diferenciação, exemplificando que nas obras do Pecém, o Estado está desapropriando terras de pessoas que tem alto poder aquisitivo.
"Será que é capricho o governador defender um projeto de desenvolvimento para cá? O estaleiro será a complementação da siderúrgica, irá gerar seis mil empregos. Isso é firmeza de decisão", defendeu.(Fonte: Diário do Nordeste)





Dragabras

Assine o Notícias do dia

Ecobrasil

Priner fundo transp Terlogs
  Mampaey     Assine Portos e Navios

  Catálogo da Indústria Marítima

 

 

  Anuncie PN

 

Tche Digital

 

 

 

Sinaval   Abratec

Bombando

Error: No articles to display