Porto do Açu

Convênio - Scania e Poli-USP criarão laboratório

A Scania e a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP) assinaram convênio de cooperação tecnológica para desenvolver um laboratório que permitirá compreender melhor algumas características dos motores a diesel. Realizado por meio da Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia (FDTE), o projeto tem como objetivo gerar conhecimento científico que poderá contribuir para a redução de emissão de gases poluentes na atmosfera.

Segundo Jairo de Lima Souza, gerente de Pesquisa e Desenvolvimento de Trem-de-Força da Scania Latin America, o equipamento que será desenvolvido permitirá estudar o comportamento do fluxo de ar dentro do motor, pois esse aspecto impacta diretamente nas emissões de poluentes liberadas pelos motores a diesel. “Nosso objetivo é apresentar modelos matemáticos representativos do fenômeno e a construção de um laboratório protótipo que viabilizará a verificação e validação de teorias geradas em simulações. O projeto será desenvolvido com o apoio de equipamentos de escaneamento a laser”, diz Souza. “Essas ferramentas gerarão modelos tridimensionais que irão viabilizar a comparação das simulações virtuais com os resultados de laboratório.”

De acordo com Souza, o projeto também contempla o desenvolvimento de um software para previsão e controle do comportamento do fluxo de ar no motor.


Logcomex


Priner     Terlogs     Mampaey     AAPA
             

Tche Digital

 

 

Sinaval

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios