Ecobrasil 2019

Cingapura lança projeto de reboque autônomo

O estaleiro de Cingapura Keppel Offshore & Marine (Keppel O & M) disse que sua subsidiária Keppel Singmarine desenvolverá um rebocador autônomo que será operado pela Keppel Smit Towage.

O rebocador deverá ser uma das primeiras embarcações autônomas de Cingapura quando o projeto estiver concluído no quatro trimestre de 2020. 

Para desenvolver o rebocador autônomo, a Keppel O & M garantiu um subsídio de até US $ 2 milhões da Autoridade Marítima e Portuária de Cingapura no âmbito do seu Fundo Marítimo de Inovação e Tecnologia.

Isso segue o Memorando de Entendimento assinado por Keppel O & M, MPA e o Centro de Tecnologia para Offshore e Marinha de Cingapura em abril de 2018 para desenvolver conjuntamente embarcações autônomas para uma variedade de aplicações, incluindo operações portuárias.

Chris Ong, CEO da Keppel O & M, disse: "Estamos orgulhosos de estar na vanguarda da inovação com o desenvolvimento de rebocadores autônomos que são comercialmente viáveis".

Publicidade
Catálogo da Indústria Marítima

O projeto envolverá a modificação de um rebocador por sistemas avançados. Um centro de comando em terra também será configurado para controlar remotamente o rebocador.

Como parte do projeto, a Keppel O & M, por meio de seu braço de tecnologia, a Keppel Marine and Deepwater Technology (KMDTech), trabalhará com as parceiras para desenvolver várias tecnologias e ser o integrador de sistemas para as soluções autônomas.

A American Bureau of Shipping fornecerá a aprovação para os novos recursos, como Controle Remoto de Navegação e Sistema de Controle Autônomo.

Comentários