Great Ocean

Belga no Brasil - Encomenda para transporte fluvial

A fabricante belga Blommaert fechou recentemente um contrato com empresa de navegação brasileira para fornecimento de 105 conjuntos de tampas de escotilhas para barcaças de navegação interior. As embarcações operarão na região amazônica no transporte de granéis sólidos e estão sendo construídas simultaneamente em três estaleiros da região. O contrato, no valor de nove milhões de euros, prevê que a entrega das tampas será concluída até o início do próximo ano. Cada conjunto é formado por dez painéis.

Os painéis são fabricados em liga de alumínio, que além de grande resistência, têm a vantagem de ser extremamente leves. O manuseio tanto pode ser manual, por guincho elétrico instalado a bordo ou ainda por controle remoto. Eles são construídos em chapa de liga de alumínio A1Mg3, dobrada e soldada, podendo atingir vãos de até 15 metros. Os equipamentos têm certificação emitida por todas as sociedades classificadoras.

As tampas de escotilhas da Blommaert dispensam o uso de equipamentos portuários para retirada de painéis de bordo e de área de cais para armazenamento de painéis retirados de bordo. No caso específico dos equipamentos contratados, os painéis são telescópicos, permitindo total exposição do porão, e a movimentação deles é feita por guinchos elétricos alimentados por terra e também comandados do cais, sem necessidade do operador subir a bordo.


Porto do Açu


Segundo Ivan Erdos, diretor da Internav, que representa a fabricante na América Latina, o mercado de navegação interior está em crescimento no Brasil e ele vê bom potencial de negócios, especialmente na bacia do Paraguai, onde a demanda por transporte tem aumentado não só para escoamento de granéis sólidos, mas também de minérios e derivados de petróleo.

Priner     Terlogs     Mampaey     AAPA
             

Tche Digital

 

 

Sinaval

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios