A agência de classificação de risco Fitch rebaixou o rating de longo prazo em moeda local e estrangeira da Odebrecht Engenharia e Construção (OEC) de 'CC' para 'C'.

Segundo a Fitch, o rebaixamento segue o anúncio da OEC de que vai usar o período de carência de 30 dias para pagar os juros de uma dívida de US$ 11,4 milhões com vencimento hoje. A utilização desse período indica o começo de um possível processo de calote, segundo a metodologia da agência de risco.

Mesmo com dinheiro disponível em caixa para o pagamento dos juros, a OEC decidiu entrar no período de carência e revisar suas estratégias de liquidez de curto e longo prazos. Na opinião da Fitch, o atraso do pagamento da OEC em juros relativamente baixos levanta preocupações sobre a vontade e a capacidade da companhia em amortizar futuros juros, principais de dívidas e sobre as necessidades de capital de giro.

 

"Na nossa opinião, a OEC ainda tem diversos desafios para evitar uma reestruturação do pagamento de juros e amortizações, ao mesmo tempo que consegue recursos para atender suas necessidades de capital de giro", afirmou a Fitch.

A empresa ainda precisa chegar a acordos de leniência em vários países da América Latina, interromper a queima de caixa, estabilizar e melhorar a qualidade de sua carteira de pedidos e reconstruir sua reputação diante de um mercado de fraca demanda.

Fonte: Valor

Comentários


Cash Computadores



Syndarma

ABTP

Antaq

TMSA

Assine Portos e Navios

Abeam

Sobena

Terra Firma Abratec