O presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou o atual diretor-geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha como ministro de Minas e Energia. O almirante de esquadra Bento Costa Lima Leite de Albuquerque Junior ocupa o cargo de diretor da divisão nuclear desde abril de 2016.

O comunicado foi feito por Bolsonaro na manhã desta sexta-feira via Twitter.

Albuquerque foi chefe de gabinete do comandante da Marinha do Brasil por três anos, entre 2010 e 2013, informa o militar em seu currículo no LinkedIn. Ele tem 60 anos, nasceu no Rio de Janeiro e é especializado em submarinos.

 

De acordo com a revista especializada “Náutica”, Albuquerque tem pós-graduação em Ciências Políticas pela Universidade Nacional de Brasília, MBA em Gestão Internacional pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e MBA em Gestão Pública pela Fundação Getúlio Vargas. Ele já atuou como assessor parlamentar.

A indicação do titular de Minas e Energia foi alvo de intensa disputa entre o grupo militar e a equipe econômica do governo Bolsonaro. Nessa quinta, o Valor informou que presidentes das maiores empresas privadas de distribuição e geração de energia tinham enviado à equipe de transição uma lista de nomes técnicos como indicação para o ministério.

O atual ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, elogiou a escolha de seu sucessor. Também pelo Twitter, disse que Bolsonaro "acertou na indicação".

Fonte: Valor

Comentários


Cash Computadores

Assine Portos e Navios



Syndarma

ABTP

Antaq

TMSA

Assine Portos e Navios

Abeam

Sobena

Terra Firma Abratec