Abratec

Desastres ambientais marítimos: a importância das convenções internacionais ainda não ratificadas pelo Brasil

Como se sabe, a evolução da indústria naval aumentou significativamente o volume de operações em vias marítimas. Ampliou, igualmente, o volume de atividades que cada uma das embarcações (seja de apoio, seja de transporte de carga, seja plataforma, etc.) consegue realizar individualmente, o que faz com que embarcação seja potencialmente mais perigosa em termos de riscos ambientais hoje do que no passado.

Felizmente, o que se vê é que, com o incremento da tecnologia no setor, o número de acidentes marítimos é cada vez menor.

Registre-se para ler mais...