Convenção Internacional sobre Água de Lastro sairá do papel

Por Miguel Franco Frohlich

• Com a entrada em vigor do novo acordo internacional confirmada para 8 de setembro de 2017, espera-se uma redução gradativa dos riscos de bioinvasão em áreas portuárias
• O uso da água de lastro para o controle do calado e da estabilidade de navios consiste em um procedimento de segurança operacional adotado em algumas operações de embarque e desembarque de cargas. Contudo, tendo em vista que tais atividades podem provocar impactos ambientais relacionados à introdução de organismos aquáticos nocivos e agentes patogênicos nos ecossistemas costeiros, faz-se necessária a observância pelas embarcações de normas específicas de gerenciamento da água de lastro.

Registre-se para ler mais...


Pesa

        Jan de Nul     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios