Curso H

Canal de acesso

O mês de março representa o momento de observar os indícios oferecidos neste primeiro trimestre de 2020. Há tímida recuperação da economia. O país enfrenta a realidade do déficit fiscal e a transição da predominância do investimento do estado para a atração do investimento da iniciativa privada. Diante da situação desafiadora, o primeiro ano do novo governo é reconhecido por propostas de reformas, principalmente a da previdência, e a redução da taxa de juros que promoveu a redução do valor da dívida pública. Em 2020 o Congresso retoma os trabalhos com mais de 20 projetos na agenda, entre os quais a reforma tributária, o plano de auxílio aos estados e a securitização da dívida da União, estados e municípios. Temas que indicam os problemas a enfrentar. As transformações propostas, em pautas do Executivo e do Legislativo, apresentam um país em acirrado debate e com vigorosa atividade política, mas, com instituições democráticas em pleno funcionamento. Elementos que destacam o Brasil entre os países emergentes atraentes e promissores.

Restrito a assinantes