Remessa Online

Artigo - Portal Único e a revolução do Comércio Exterior

No intuito de aprimorar a comunicação e contribuir para a simplificação do Comex, o Portal Único Siscomex é uma iniciativa que se destaca e merece a atenção de importadoras e exportadoras


A revolução do Comércio Exterior pode ser evidenciada sob diversos aspectos, dado o alto nível de complexidade encontrado em operações que envolvem o segmento. Claro, é importante lembrar que há um longo caminho a ser percorrido, mas os primeiros efeitos de um cenário mais flexível, modernizado e simplificado já podem ser sentidos por empresas que importam e exportam.

Nesse sentido, o Portal Único Siscomex é uma iniciativa que representa com fidelidade uma mudança bem-vinda por parte das autoridades responsáveis. De modo geral, seguindo a premissa de facilitar a comunicação entre público e privado, o site traz eficiência, integração e velocidade para importação, exportação e processos aduaneiros.

Desenvolvido por equipes técnicas da Receita Federal do Brasil (RFB) e da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), o programa conta com módulos divididos em um ambiente digital, passando por tópicos fundamentais para o andamento de atividades rotineiras e também estratégicas. Tendo em vista o contexto do Novo Processo de Importação (NPI), manter-se atento a atualizações constantes, bem como utilizar o portal adequadamente, é um diferencial que não pode ser subestimado.

Por que o Portal Único é tão necessário?
A comunicação traz à tona um ponto crítico para a competitividade de companhias que respiram o Comex todos os dias. Por muito tempo, o excesso de burocracia, somado à falta de unificação de informações de fontes variadas, provocou entraves extremamente prejudiciais para o cotidiano operacional de empresas da área. Sem dúvidas, alcançar um ritmo produtivo de sucesso torna-se um processo árduo nesse contexto. Felizmente, nos últimos anos, devido à consolidação do componente digital e o extenso horizonte de possibilidades ligados à inovação, o mindset modificou-se em termos gerais, influenciando cada vez mais lideranças do setor.

O Portal Único reúne três pilares indispensáveis para um Comex 4.0: segurança, rapidez e praticidade. Com uma margem reduzida para erros e operações agilizadas, o sistema facilita processos por meio do uso otimizado dos dados, em um espaço totalmente integrado e online.

Empresas devem se movimentar
Não seria nenhum exagero afirmar que a utilização do portal é uma medida obrigatória para importadoras e exportadoras, especialmente as que desejam manter uma linha de produção compatível com o mercado mundial. Sob a ótica do gestor, ter o apoio de uma infraestrutura de TI capaz de absorver ações governamentais é o ponto de partida ideal para que todas essas vantagens sejam convertidas em benefícios práticos, sentidos pelas equipes de colaboradores.

O fluxo de informações é parte central do Comércio Exterior. Transações, planejamentos, contratos ou logística, são inúmeras as vertentes que dependem de uma comunicação fluida para funcionar conforme as expectativas do segmento. A tendência é de que iniciativas que visem a simplificação continuem a surgir, exigindo uma postura de observância por parte das empresas.

Para concluir o artigo, é preciso compreender que a revolução do Comex é um fenômeno de caráter inadiável, e os que já contam com a tecnologia para acelerar procedimentos são exemplos que comprovam o sucesso por trás da digitalização. De certo, aderir ao Portal Único Siscomex é abrir portas para uma rotina de mais competitividade, fortalecendo esse que é um dos polos econômicos mais importantes do Brasil.

220523-izabela-pitoli-vivan-baratto-ecomex-nsi-divulgacao.jpgIzabela Pitoli é Supervisora do time de Produtos na eCOMEX NSI; 
Vivian Baratto é Analista de Conteúdo Sênior na eCOMEX NSI.

PUBLICIDADE

Portonave



Pesa

    AAPA     Jan de Nul     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Hidromares

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios